Este ano letivo os alunos da sala dos 5 anos do Castelinho vão ter aulas de meditação para crianças com o Projeto Estrelinhas da Ilha

 Da autoria de Lisa Silva, educadora de infância, especializada em educação especial e, mais recentemente, professora de meditação para crianças, pela Escola de Meditação para Crianças, de Susana Guerreiro, este Projeto pretende fornecer às crianças ferramentas que lhes ajudam na sua gestão emocional, a alcançar a concentração, entre tantos outros benefícios…

Deste modo, importa saber que a meditação é uma prática milenar, surgida na Ásia, que engloba um conjunto de técnicas, com o intuito de treinar a focalização da atenção. O objetivo é repousar o corpo e aquietar a mente, para alcançar o relaxamento, salvaguardando-se que não é nenhuma religião.
E qual a importância da prática da meditação na infância?
Nos dias de hoje as crianças vivem num mundo cheio de estímulos à sua volta, o que faz com que as suas vidas sejam demasiado agitadas. As novas tecnologias, problemas familiares, questões como bullying ou atividades extra-curriculares diminuem o tempo que as mesmas têm para brincar livremente, o que se torna extremamente prejudicial, fazendo com que elas se desconectem de si mesmas e entrem num padrão acelarado, com competição e ansiedade. Além disso, devemos lembrar-nos que as crianças têm um sistema nervoso ainda em desenvolvimento e, para elas, pode ser ainda mais difícil processar essa quantidade exagerada de estímulos de uma só vez. Aí entra a meditação…
A meditação vem tentar dar um espaço para que a criança possa parar, respirar e se conectar com o seu silêncio interior, organizando o seu mundo mental e emocional e proporcionando o restabelecimento do equilíbrio com quem ela é verdadeiramente. Através da meditação é possível neutralizar, em alguma medida, ou compensar os efeitos negativos dessa superestimulação.
Na educação infantil, a meditação pode ser apresentada através de uma “brincadeira” e, ao ser uma intervenção lúdica, pode possibilitar uma integração interna de tudo o que a criança absorve durante o seu dia. Acredita-se que a prática regular da meditação na escola apresentará benefícios a vários níveis. Além disso, já está cientificamente provado que as crianças que meditam têm um melhor rendimento escolar.
São imensos os benefícios da meditação, mas um dos maiores é ajudar as crianças a entrarem em contato com elas mesmas. Isso pode ser a chave para uma mudança importante na forma como elas crescem, pensando, acima de tudo, no seu bem-estar e não somente nos resultados que queremos ver alcançados.

Bibliografia de apoio
Breyner, Tomás de Mello, (2016). O Pequeno Buda – Sobre a importância de ensinar meditação às crianças. Guia prático com exercícios. Arena PT;
Davies, Kim, (2017). Segredos da Meditação. 20|20 Editora;
Guerreiro, Susana, (2014). 52 Meditações para Crianças.

 
Enviar por E-mail Versão para impressão PDF